Jurubiara Zeloso, Amigos e as Amantes

 "Os homens e as mulheres de boa aparência não vivem muito tempo..."

     PATRONO DO MÊS DE JUNHO
        Albert Einstein in 1946 photo by Fred Stein
                                  Albert Einstein 
    
       Não vão dormir, coelhas garotinhas e moçoilos...

             Não sejam gulosos e não me olhem assim! 
         


      
 O desejo de ser está na escrita, a de pertencer
        ao mundo que sendo menos criativo precisa
        de gente que saiba viver, escancarar as novas
         fronteiras, rasgar corações, saber a tudo fazer.
        Toda poesia e belos escritos com primor que
        não só pertencem ao escritor mas a quem o
        ama pelas palavras e conhecimento da vida..
        Isolar-se jamais! Apenas adentrar mundo ou
        das maravilhas da alma poeta e escritora!
        Somos amantes da vida, das coisas que só
        compensam e tambem as que recompensam.
        E não basta ler tudo...meus amores...e a esta
        hora do momento a loucura, a vanguarda, a
       insana possibilidade de abrir portais e cenas
       do amanhã ´meu trilhar, e com essas ideações
       posso entreabrir a porta da literatura desse
       amanhã e compreender algo que fomenta meus
       anseios  de poetisa libertária e renovadora.
       Os outros que descubram por si mesmos o que
       aqui exponho diariamente, e ler muito e viver
       a vida não será o tudo e o TODO que realmente
       nos importa! Afe...sejam bem recebidos aqui...





 
     E TEMOS QUE FICAR ALERTAS E EVITAR DESASTRES....

     

            


                  MENINAS EU VI
         


              

                
     
             



            


              


              


          



  

  A luz do mundo é uma mulher. A Terra a outra mais amada!
               



A arte é feminina. O pincel amabilidade. A côr um só amôr!


    


       
         
       A Apanhadora do Campo de Bamboleio...


 


 
         


  
Textos

VERDADE não CONTADA dos heróis e similares! Resposta 2
      1  - Tio Patinhas é herdeiro de antigas famílias pato da Escócia, a qual estabeleceram vínculo em alguma região do Lago Ness e onde se cultivava demais o Haggins ( limo-musgo vegetal comestível, só comido fervido e cozido depois da colheita lunar ) sempre considerado mágico!  Tal alimento fugaz tem seu alento vivo e uma lenda palpável de existir. Dizem que tal musgo tem propriedades longevas, medicinais e vitalicias entre os anciões do passado da familia Macpato.
Vivem seus possuidores - de Haggins somente - tão afeitos a esse alimento básico em sua dieta, de acordo com mitos antigos escoceses, quase cerca de 200 anos com ele - dependendo de onde ou como estiverem vivendo, com sorte numa cidade fora do tempo e espaço ou em determinadas regiões americanas O Haggins tem de ser preparado segundo fórmulas secretas Merlinianas que só Tio Patinhas sabe, e que a ninguem revela, sequer aos seus sobrinhos! Dá vitalidade a cada 70 anos ao seu possuidor, que se alimenta até normal se quiser; portanto o Patinhas ainda tem muitas mais décadas a viver, Só não se sabe até onde as tais propriedades do Haggins podem chegar. Se bem que dependendo da cidade como Patópolis ( lar adotivo de Patinhas e região fora do tempo real que conhecemos ) essas virtudes terapêuticas de altissimo grau podem suplantarem a lenda como um todo! Patos como Patinhas e descendentes podem viver muito, pois pertencem a planos diversos de atividade genética generosa...

      2 -  Dumbella, no original traduzido brasileiro de 1950 como a Prima Anitra, na verdade irmã, deixou a cargo de Donald - seu irmão mais velho, pois o resto é pura lenda disneyana pouco conhecida - uns três sobrinhos dele pra criar. E como eram patinhos jovens, eram rebeldes demais pra serem sequer tomados conta pela irmã dele, tão feminina, atarefada e trabalhadeira que era, mal podia suportar os filhos por tanta falta de dinheiro em casa, eles tão sempre transviados em suas travessuras..
      O paradeiro de Dumbella parece incerto, pois depois da guerra muitas moças sumiram de seus empregos e cada uma tomou rumo diverso. Talvez ela esteja numa distante cidade grande americana, longe de Calisota, estado onde fica Patópolis e de onde moram a familia pato sobrevivente. Só se sabe que uma vez ou outra ela aparece incógnita  a Donald para ver a evolução dos ( filhos dela ) sobrinhos dele...

      3 - Vive à custas de vários tios além de Patinhas, que custeiam sua vida pregressa e complicada depato. Dentre eles, secretamente, temos o "tio-avô", por parte de primos eco-distantes da clã Patinhas não creditado, Patacôncio! Mas de fato são cinco os tios distantes que lhe dão proventos em uma conta bancária escondida ( fato escondido de seus sobrinhos e parentes próximos... ) e todos lhe conhecem a vida maluca que Donald tem, por isso o ajudam a ter moradia, comodidade de lar, carro pra manter ( o qual Pardal prontamente conserta ou faz a lanternagem ou mecênica do veiculo de chapa 313, tudo gratuito sem custo, pois alguém distante o pede fazer, e seria algum um tio desses? ); portanto parte dos custos ou prejuízos do pato são cobertos sem muito alarde a cada mês.  Tio Patinhas até ajuda POUCO, sem ocultar a verdade, além de centavos que dá de má vontade, por baixo do pano. Isso, aliado a cada aventura que Patinhas se propõe a fazer, é só parte do Iceberg da extensa ajuda que Donald recebe...
      
      4 - Patópolis ( Duckburg em inglês ), uma cidade como metrópole crescente, é uma região extensa, que abrange Gansópolis, Penópolis e nove outras cidades no estado americano de Calisota. E quase próxima à Springfield, Maravilhas e South Park noutro estado, onde moram os muitos personagens conhecidos como em especial os Simpsons, Coelho Osvaldo e mil outras personas. conhecidas ou não em nossa dimensão paralela a eles! Dados de Carl Baks Instituition of Duckburg.  
    
       5 - Os pais eram Kriptonianos de ascendência cientifica acima de muitos cidadães de lá, não clonados, puros de linhagem de EL. Tiveram um filho por sorte e escolha do Estado, e o adotaram por ter nascido em partenogênese com células dinasfásicas ( altamente geradora de gens sofisticados e poderosos ), do pai e da mãe perfeitos que eram os KAL. Os bebês gerados já se valiam de sentidos evoluidos e complementares dons kriptonianos vantajosos. E é reconhecido em algumas enciclopédias galácticas do Universo que os Kriptonianos eram belos, avançados, geneticamente puros em essência, andavam pouco ao estilo bem bipede e que "saltavam" entre seus civilizados condominios de cidades-estado em todo planeta. A gravidade de 0.02 Gs ajudava a benfazeja cultura hereditária de seus corpos. Tanto isso era verdade que podiam alçar verdadeiros vôos entre regiões complicadas ( de geografia muito acidentada ) de seu planeta insatisfatório e instavelmente vulcânico. Sua civilização estava muito no auge antes do cataclismo que destruiu o globo inteiro há tempos atrás. Antes disso os EL tinham ciência das consequências nefastas  dos milhares de abalos de seu mundo, e SABIAM de seu fim imediato!
     Ao chegar a hora do fim planetário, não tinham recursos a mais, a não ser uma bem montada espaçonave extra-solar há muito construida por EL pai - pois já a tinha arquitetado faz anos e pronta pra tudo! Com ela já se amontoava uma extensa biblioteca oni-sencientes de cristais-nanotek, uma holo-suite de vanguarda, alimentos aeriformes mutáveis e recicláveis preenchendo a cabine, todo um aparato de computadores e equipos pra uma LONGA viagem hibernada de 3 a 6 anos-luz até onde se podia cogitar, em suma uma aeronave totalmente autônoma pra um passageiro afortunado. Houveram por bem acharem de antemão, em certas cartas astronômicas 3D de longa maturidade, um planeta de gravidade suportável e deram espaço minimo sem ser debilitante pra seu filho, um viajante sem paralelo dessa astronave. Pois um terceiro planeta com vida senciente de um estranho Sol amarelo, lá seria o lar adotivo de seu filho amado, um dos poucos a sobreviver ao fim inglório de um mundo. Seu nome era Kal El, num misto compacto de nomes dos pais e isso tinha seus segredos...
      Karl EL chegou à Terra em 4 anos e meio de viagem. A sua nave pousara com certo defeito na aterragem, mas resolvido pelo computador extremamente consciente do fato o seu último refazer de cômputos de segurança antes da queda a vinte metros de sua falha pendente. Caiu com estrondo mas a estrutura interna da nave era 100% inexpugnável ( ou tinha se tornado assim! ) ao entrar na atmosfera densa da Terra! O resto já se sabe. Um pai sem filhos, e sua mulher estéril por desengano médico, passavam no local da queda do OVNI que viram. Ao pararem por temerem quebrar o auto que dirigiam, foram ao local exato e deram de cara com uma criança, já em roupas avermelhadas mal vestidas, a sorrir pra eles! Pulou alto aos 20 metros de altura  e assustou os Kent. E tal alien, por temeridade de pais sem escolha, foi considerado por eles uma benção divina e o criou como filho deles sem se importar com a leis de adoção de seu Estado...e o todo dessa história já se sabe...


       6 - Capeto é uma linhagem de lobos, que em segredo Fantasma fazia ter filhotes com várias fêmeas escolhidas, tendo filhotes muito parecidos com o pai o máximo que puderem parecer, os quais todos teriam o mesmo nome, Capeto. Logo o lôbo atual é o  descendente em linha reta desse animal original dos anos 30. Agora é o décimo quarto descendente canino daquele Capeto, esse há muito empalhado por Fantasma na caverna da Caveira. É um lôbo cuja matriz genética foi melhorada ao longo de suas gerações, possuindo mais faro e dons de "inteligência" própria acima de qualquer animal preferido por Fantasma.

        7 - Mandrake, mago de nascença, já nasceu pra ter esse dom da hipnose, tanto coletiva quanto individual. Tratou-se de adquirir certas aptidões físicas e psiquícas fora do comum pra acentuar seus gestos e olhares mágicos ( por incrivel que pareça! ) natural.  Treinou com perfeição sem fim nessa arte complexa, com os monges do Himalaia mais habilidosos, na suas artes hipnóticas usadas tanto como arma não violenta, defesa sem dôr ou na peculiar manipulação da realidade circunjacente ao inimigo ou coisa que se queira alterar pelo fenômeno.
        O mistério maior é como manipula-se os objetos parafísicos ou não, as mentes ignaras e os diversos sentimentos de outros quando se está na mira dessa hipnose de vanguarda!
        O uso de gestos permite manipulação menos grosseira do real ou do irreal em torno da mente imaginária de terceiros que se vise o olhar. Hipnose no mais salto grau possível dá chance a Mandrake se impor na  natureza dos objetos e pessoas, sem custo de força física ordinária, mas pra esse último mister tem Lothar como empregado e honrado príncipe africano vitalício pra por as coisas a mais no devido lugar! Não basta imitar as gesticulações, pois é preciso aprender a ir além do físico, o parafísico e o imaterial! No Himalaia os monges vivem no impossível mas verdadeiro real do mundo!
        
        8 -  Os pais que não se revelam é que fazem de tudo pra sustentar a filha estudiosa na cidade grande. Talvez seja mais que isso ainda não revelado pela autora original da série. Tem um certo tom de drama e mistério nesse fato curioso.

        9 - Porque o Gastão possui em contrapartida um invejoso, caricato e atrapalhado primo como o Donald! Um influencia o outro na hora em que estão em conluio ou numa briga de costume entre os dois. Sem o Donald pra contrabalançar a sua sorte "infalível", nas nem tanto, o seu sortilégio natural seria inabalavelmente absurdo e sem noção de existir com exageros. De fato Gastão se sente melhor equivocando a sua sorte com o primo, do qual advoga fatos pessoais sortudos como prerrogativa pra aborrecer o primo patético, nem saber que mesmo sem o Donald ele poderia ser invencível fora ou além do universo dos patos! A válvula de escape pra a vulnerabilidade de Gastão evitar ir mais longe é as estripulias de seu primo mais chegado! Um sem o outro não faz a sorte dar tudo completamente de mão beijada pros dois!

        10 - A quantidade de radiação da tal aranha radioativa, uma simples aranha doméstica "vulgaris" não chega a ser nociva, mas é suficientemente forte pra agir na hemoglobina do sangue em seu corpo jovem hormonável, de adolescente como Peter Parker. Não afeta células todas nem as ]germinais, mas dá impacto na hereditariedade de Peter, fazendo uma evolução mutagênica sem igual no seu corpo vigoroso e pleno de juventude! Em consequência adquire perfomance, poderes de adaptação e intelecto, consciência perceptiva do que ocorre em sua volta e uma certa satisfação de andar por paredes. Isso numa proporção do quanto a aranha é em comparação ao corpo humano de médio porte! De fato uma aranha ergue 4 a 5 vezes seu peso, mas um homem assim desigual a nível celular poderia erguer de 8 a 15 toneladas sem piscar! Podendo dar pulos intensos de 10 a 20 metros sem cansar ou pendurar-se a qualquer velocidade sem afetar o cérebro na caixa craniana! ]
         O cancêr só se determina perigoso e nocivo quando os niveis de radiação atingem altas doses insuspeitas ( cerca de 2000 "roentgens" por segundo ) ou quando se expõe o corpo a minério, objetos ou comida irradiados por radioatividade intensa. Uma aranha comum jamais poderia carregar um nível elevado de radioatividade num corpinho de cerca de 2 cm de envergadura e envenenar o sangue de um ser humano por atacado! Se tal radioatividade do insto tem de alterar algo foi o espírito poderosos intelectual que deu o milagre de fazer existir um Homem-Aranha como fato consumado! Mas nas HQs o possível e os grandes poderes responsáveis imensos são incomensuravelmente diversos de nossa realidade, não é?  kkkkk
Jurubiara Zeloso
Enviado por Jurubiara Zeloso em 26/02/2018
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras